quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Lógica

Deus é amor.
O amor é cego.
Steve Wonder é cego.
Logo, Steve Wonder é Deus.

Nada é melhor que a felicidade eterna.
Um tomate já é melhor do que nada.
Logo , um tomate é melhor que a felicidade eterna.

Tudo o que é raro é caro.
É raro uma coisa boa e barata.
Logo , o que é bom e barato, é caro!

Imagine um pedaço de queijo suíço , daqueles bem cheios de buracos.
Quanto mais queijo , mais buracos.
Cada buraco ocupa o lugar em que haveria queijo.
Assim , quanto mais buracos , menos queijo.
Quanto mais queijos mais buracos , e quanto mais buracos , menos queijo.
Logo , quanto mais queijo , menos queijo!

Toda regra tem exceção.
Isto é uma regra.
Logo , deveria ter exceção.
Portanto , nem toda regra tem exceção.

Disseram-me que eu sou ninguém.
Ninguém é perfeito.
Logo , eu sou perfeito.
Mas só Deus é perfeito.Portanto, eu sou Deus.
Se Steve Wonder é Deus , então eu sou Steve Wonder...


* Retirado do site de humor matemático

6 comentários:

Troll disse...

Huahahahahahahahahahahaha! Esse é muito bom, certamente mereceu a postagem aqui no 42. ;-)

iara disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
perfeito!
só podia ser fruto de uma mente matemática!

A Senhora disse...

Isso devia estar no Fama Infame, Let! kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Bem Resolvida disse...

huahauahauahauahau

vou mandar essa pro sexy nerd!!!
uahauahauahauahuaha

On The Rocks disse...

ha ha

bacana!

meu blog de poemas:

www.lavergadelbuenas.blogspot.com

Poisongirl disse...

TROLL: tbm achei a cara do blog...

IARA: o que vc quis insinuar com esse comentário?!kkk

SENHORA: ai diz não ...André briga comigo!

BEM RESOLVIDA: ele vai gostar certamente.

ONTHEROCKS:obrigado.